Constitucionalização do Bolsa-Família

A história do Bolsa-Família em muito me lembra a minha. Quando fui prefeito de Belo Horizonte, nós implantamos políticas públicas de segurança alimentar e nutricional, promoção de assistência social e priorizamos o atendimento e a atenção aos mais pobres.

Foi por esse trabalho em BH que o presidente Lula me convidou para implantarmos o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Nele, criamos a experiência exitosa do Bolsa-Família, uma das principais ações que nos permitiu tirar o Brasil do mapa da Fome.

Por isso, me agrada e me emociona a admissibilidade da PEC 200/2019, que constitucionaliza o bolsa-família. De barriga vazia não há dignidade, não há condições de exercer direitos. De barriga vazia não há vida.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>